CONTATO
|
INFORMATIVO

Programa de Ensino, Pesquisa e Extensão em Produção Rural Sustentável

cabecalho-pepeprs

O desenvolvimento da Amazônia passa pelo conhecimento da sociobiodiversidade e o estabelecimento de técnicas e tecnologias agrícolas que permitam o uso racional dos recursos naturais. Desta forma, o Idesam, por meio do programa, visa contribuir com estudos e pesquisas que atendam às demandas da região por inovação científica e tecnológica promovendo o desenvolvimento sustentável.

O programa compreende um grupo pluri, inter e multidisciplinar de pesquisadores, técnicos e produtores rurais que participam do desenvolvimento de projetos de pesquisa e extensão, transferência de tecnologia, capacitação e divulgação orientados a pesquisar, avaliar e adaptar diferentes opções de reconversão ambiental e social da atividade agropecuária na Amazônia.



Público-Alvo

O público-alvo são estudantes de curso técnico, acadêmicos em níveis de graduação e pós-graduação Strictu Sensu que tenham interesse em trabalhar em estágio voluntário, estágio de residência, trabalho de conclusão de curso e pesquisa de mestrado e doutorado.

Objetivos do Programa

Desenvolver, testar e avaliar o manejo se sistemas de produção sustentável na Amazônia, bem como indicadores de sustentabilidade aplicados ao contexto regional, incluindo comparações com outras regiões.

Desenvolver estudos em temas que conectam e transitam pelas diferentes disciplinas e corpos do conhecimento de sistemas de produção baseados em princípios de sustentabilidade.

Compreender os elementos de sucesso dos sistemas de produção sustentável, isto é, aqueles que imitam ou utilizam-se dos processos biogeoquímicos e ecológicos da natureza para aumentar os benefícios socioambientais.

Conhecer as cadeias de valor atuais, seus gargalos e suas barreiras para aumentar a escala de implantação e a persistência de tipo de produção em agroecossistemas amazônicos.

O que o Programa oferece:

Contamos com uma rede de mais de 100 produtores que estão desenvolvendo uma série de testes e transformando sua produção através de tecnologias mais apropriadas ao ecossistema da região, onde as árvores são um componente essencial. Assim, arranjos produtivos que envolvam árvores, – seja nos sistemas agroflorestais, como o café; na pecuária, como os sistemas silvipastoris intensivos; ou no uso de recursos florestais madeireiros e não madeireiros – são contemplados.

Esse espaço também é para os interessados desenvolver conhecimento técnico e científico no desenvolvimento social, político e econômico de sistemas socioecológicos complexos, na análise, modelagem, aplicação de ferramentas participativas para governança do território.

Para dar suporte ao desenvolvimento do estudo acadêmico realizado em Apuí, o Idesam dispõe de uma sede com toda infraestrutura de escritório e alojamento, assim como carros e motocicletas para o apoio de campo.

A produção técnica e científica é disponibilizada por meio de publicações do Idesam e em periódicos, bem como em eventos, congressos e workshops sobre o tema. O conhecimento adquirido é incorporado e repassado aos produtores e interessados por capacitações e apresentações em espaços formais como forma de estimular a discussão e o debate na busca de soluções criativas e apropriadas aos problemas ambientais e sociais da Amazônia.

Etapas do processo seletivo:

1 – Envio de currículo e carta de intenção (máximo 1 página) via e-mail; e preenchimento da Ficha de Cadastro (disponível aqui);

2 – Entrevista (presencial ou via Skype) conforme agendamento.

Para dúvidas e mais informações, entre em contato conosco: [email protected]